Abra sua Estética

Abra sua Estética

O mercado de trabalho reúne cada vez mais profissionais qualificados que estão prontos para trabalhar nas clínicas de estética e que, com certeza, contribuirão para o sucesso das clínicas. Porém, além de ser um bom profissional é preciso saber sobre tudo que envolve montar uma clínica de estética, veja:

1. Mercado
Além de profissionais que se habilitam a trabalhar nas clínicas, até mesmo por formação de nível superior, a vantagem em se montar uma clínica de estética é que o mercado no Brasil é um dos que mais crescem, englobando novas tecnologias e técnicas que tem obtido resultados satisfatórios e que são responsáveis pela crescente procura de pacientes.

Para abrir uma clínica de estética, os empresários podem optar por abrir um negócio próprio ou ainda a opção de abrir uma franquia de estética.

A vantagem em se optar por uma franquia é que o empresário receberá da franquia todo o apoio gerencial para padronização do ambiente de trabalho e processos, desde as instalações até o sistema de marketing: tudo é oferecido pelas franquias aos franqueados.

No entanto, para funcionar a clínica de estética, o franqueado desembolsa os valores para investimento inicial, taxas de franquias e royalties no caso de tecnologias e técnicas próprias do franqueador. Portanto, para optar por franquia ou negócio próprio o empresário deve pesar pós e contras financeiros e gerenciais.

 

2. Segmentação 
Em que atuar pode ser um desafio inicial para os empreendedores que deverão escolher quais serviços oferecer na clínica de estética, como por exemplo, fotodepilação, tratamentos de lipoaspiração e outros.

Antes de escolher qual segmento atender, avalie o tamanho do segmento, ou seja, o que é necessário para atender esse segmento com estruturas demandadas e ainda custos e investimentos.

Verifique também o potencial consumidor para o segmento na região escolhida, analisando se há carência em determinado tratamento estético. Se houver mercado, também é possível ousar atuando em vários segmentos ao mesmo tempo.

3. Localização 
Escolha a localização depois de um estudo que irá decidir se o local apresenta um público-alvo com potencial consumidor. Atente-se também para uma região que é frequentada por pessoas de diversas classes sociais e idades.

Um local ideal para abrir a clínica de estética poderá ser em avenidas comerciais próximas a qualquer outro empreendimento  ou próxima a academias e salões de beleza. A vantagem é que os clientes que procuram as clínicas de estética, procuram somente pelas clínicas, não importando muito a vizinhança.

Se a clínica, por exemplo, atende a um determinado segmento poderá funcionar próximas às clínicas de segmentos complementares a sua. Os shoppings também são locais bem estratégicos para a implantação da clínica, principalmente, se a intenção é por serviços rápidos como foto depilação e bronzeamento artificial.

4. Clínicas de Estética X Centros de Estética
A diferença entre clínicas de estética e centros é que a Legislação de Saúde exige das clínicas de estética a existência de médicos no estabelecimento atuando como responsáveis técnicos.

A norma objetiva assegura que as intervenções cirúrgicas, mesmo de pequeno grau, só serão realizadas com a existência de médicos, pois as clínicas de estética que assim procedem recebem licença para realizar cirurgias plásticas e/ou outras intervenções cirúrgicas.

5. Público-alvo
Pesquise o público local que o seu centro de estética irá atender e que poderá vir de regiões vizinhas; veja quais os são os desejos e necessidades.

Apresente para os potenciais parceiros as propostas da clínica através de apresentações em workshops no qual serão explicados os tratamentos que a clínica oferece. Nesses workshops, use todo o poder de marketing dando uma prévia para os parceiros do será o atendimento na clínica e como ambos os lados podem ganhar com isso.

É importante, nos atendimentos prévios, a entrega de panfletos explicativos por pessoas que estejam com camisas da clínica e possam explicar brevemente e com simpatia para os clientes os serviços que serão oferecidos. Portanto, conte com um serviço de recepção competente, distribua brindes e outros mimos.

6. Clientes da Clínica
Para atender uma clientela exigente e cada vez mais informada, as clínicas de estética devem criar um ambiente agradável de ética e responsabilidade, pacientes e funcionários devem sentir que o ambiente é antes de tudo, um espaço de saúde e que a estética exige um processo profissional e sério.

O cliente de uma clínica de estética deve ser tratado com respeito, dignidade e seriedade desde a recepção ou telefonema domiciliar.

A despeito da aparência física ou natureza do tratamento, as clínicas de estética atualmente são frequentadas por pessoas de ambos os sexos e classe social, com tratamentos cada vez mais peculiares, portanto, o que deve prevalecer é o respeito e a ética.

7. Pessoal para montar uma Clínica de Estética
A clínica de estética deverá contar com profissionais para atendimento que serão a linha de frente e deverão ser cordiais, gentis e que conheçam todas as informações sobre os tratamentos e ainda saibam as políticas da empresa.

Representantes competentes deverão ser admitidos para que representem bem a empresa e saibam divulgar os serviços oferecidos pela clínica afim de obter mais clientes.

Além disso, a clínica deverá contar com cirurgiões plásticos, dermatologistas, esteticistas, massagistas e auxiliares para os serviços de estética.

8. Como Abrir uma Clínica de Estética: a concorrência
Sem dúvida, devido ao avanço tecnológico e aumento de profissionais qualificados para o trabalho com estética e aumento no mercado consumidor puxado também pela classe C, faz do setor cada vez mais atraente para novos empreendedores, daí a concorrência ser tão acirrada.

Antes de driblar a concorrência e eleger possíveis estratégias, os empresários devem analisar a sua concorrência, antes de partir para um plano de ação da clínica de estética.

A concorrência deve ser analisada quanto ao produto/serviço oferecidos, quanto aos métodos gerenciais, quanto ao desempenho, publicidade, vantagem competitiva e outros fatores.

É necessário estudar no que a concorrência é melhor do que o estabelecimento e assim aprender o que deve ser melhorado, bem como, o que a clínica de estética pode realizar para diferenciar produtos e serviços.

Não se trata de vencer o concorrente, mas de aprender com bons exemplos de boas empresas do ramo ou não e de aplicar ao dia a dia da clínica de estética e, na maneira do possível, sem perder o foco, diversificar, agregar valor e encantar o cliente.

Muitas empresas saem ganhando por aprender com outras empresas e assim realizar um benchmarking proveitoso com o objetivo e o oferecimento de serviços com maior qualidade.

9. Investimentos para abrir uma Clínica de Estética
Apesar da clínica de estética possuir um alto valor de investimento o retorno não é demorado, já que o Brasil é um mercado altamente promissor no ramo da estética e beleza.
A clínica de estética exigirá investimentos iniciais com estrutura, equipamentos, despesas administrativas e de organização. Entre os investimentos que serão feitos para estrutura estão os balcões de atendimento, depósitos e projetos com design, decoração e identidade visual.

Todo o investimento com máquinas, equipamentos e imóvel está em torno de R$200.000,00 reais, incluindo capital de giro.

10. Como montar uma Clínica de Estética: equipamentos
As clínicas de estética devem contar, de acordo com a estrutura e serviços oferecidos, com uma lista considerável de equipamentos.

Como estes equipamentos abaixo:

Aspirador de secreções,
Fonte de oxigênio,
Estufa ou autoclave para esterilização do material,
Tensiômetro ou esfigmomanômetro;
Mobiliário dentro do padrão hospitalar,
Armários e
Produtos farmacêuticos.
Mesa cirúrgica,
Geladeira,
Monitor cardíaco e desfibrilador,
Lavadoras e secadoras de roupas também são necessárias.


11. Equipe Médica para iniciar a Clínica de Estética
Lembramos que para aplicação das tecnologias como Botox e Peelings é necessário que o aplicador seja médico licenciado e com registro, pois são tratamentos que envolvem uso de químicos e injeções. Todo esse cuidado evita que os pacientes fiquem livres de transtornos físicos prejudiciais à saúde em razão do tratamento.

Para uso de equipamentos como o Power Shape o profissional deverá ser médico fisioterapeuta. Essa exigência é do Ministério da Saúde e esta de acordo com as técnicas exigidas no tratamento.

Para obter sucesso, as clínicas de estética devem alinhar métodos, técnicas e tecnologias com o um atendimento responsável, prezando pela saúde. Saúde e beleza devem ser a sua proposta e ainda oferecer um atendimento com qualidade e carinho às necessidades dos clientes.

12. Fornecedores de materiais
Na escolha de fornecedores, os empresários das clínicas de estética devem selecioná-los sob os critérios de qualidade de produtos e equipamentos, pontualidade no fornecimento e ainda qualidade nas entregas, contando também com preços e condições que podem ser negociados com integração nos processos.

Por exemplo, ter um fornecedor de enzima botulínica de qualidade pode fazer toda a diferença para fidelizar clientes que aplicam botox. Conforme a qualidade da enzima, os efeitos paralisantes e eliminador de rugas do botox pode durar até quatro meses mais do que os efeitos de uma enzima de má qualidade.

E prestar um serviço com maior duração dos efeitos, certamente será percebido pelas clientes e em consequência aumentar a fidelidade e  marketing boca a boca para sua clínica de estética.

13. Marca própria em uma Clínica de Estética
O empresário deve registrar marca própria e patentes de novas técnicas ou tecnologias inventadas.

No site do INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), os empresários poderão registrar sua marca e assim adquirir maior segurança nas atividades que lhe são próprias; ou se exerce técnicas que já são utilizadas no mercado, deverá ter marca certificada que certifica normas e especificações técnicas, todos os registros que as empresas realizam servem para atestar a sua identidade técnico-profissional no mercado e assim garantir negócios com outras instituições e participações em incentivos. Daí a importância e vantagem em estar em dia com todos os registros empresariais.

14. Como montar uma Clínica de Estética: vigilância sanitária
A Vigilância Sanitária poderá fechar as clínicas de estética se as atividades representarem risco a saúde dos pacientes, no que tange aos procedimentos e seus riscos e ainda se há um ambiente com potencial infeccioso.

Ultimamente, uma das maiores preocupações da ANVISA é quanto ao bronzeamento artificial, que tem causado uma série de prejuízos a saúde dos pacientes.

Para estar em dia com as normas de saúde expedidas pela Vigilância Sanitária e se afastar de inconvenientes e constrangimentos que poderão prejudicar pacientes e sujar a imagem da clínica de estética, os proprietários devem estar sempre informados quantos as normas da ANVISA para o funcionamento de clínicas de estética.

15. Normas sanitárias para abrir uma clínica de estética
Algumas normas sanitárias são exigidas para todas as clínicas de estéticas que foram dividas em Clínica de Estética I e Clínica de Estética II. Essa divisão está de acordo com os procedimentos que são permitidas nas clínicas.

Por exemplo, a Clínica de Estética I poderá usar instrumental cirúrgico para anestesias sem pernoite dos pacientes. Já a Clínica de Estética II poderá utilizar tratamentos em estética médico-cirúrgicos de pequeno e médio porte sob anestesia local, uso de monitor cardíaco e desfibrilador, mesa cirúrgica e outros.

Desnecessária frisar a importância de providenciar a legalização da empresa junto aos órgãos competentes. Pela dificuldade que todos sabem, cito um excelente texto sobre documentos para abrir uma empresa.

Lembrando que para atender as normas gerais de saúde e segurança de acordo com a Anvisa, o Ministério da Saúde e ainda outros órgãos é necessário que se atenda Normas e Resoluções que podem ser pesquisadas no site desses órgãos e nos sites das secretárias de saúde de seu Estado.

De acordo com as normas de saúde, é possível também para os profissionais da clínica se organizarem a fim de prevenir e controlar infecções que possam surgir em decorrência dos procedimentos estéticos.

16. Como montar uma Clínica de Estética: licenças necessárias
Lembrando que antes de iniciar as atividades a Clínica Estética devem possuir licenças no Conselho Regional de Medicina (CRM).

Além das Licenças no órgão de Vigilância Sanitária local e outras licenças de funcionamento que são a Ambiental, Licença de abertura do estabelecimento com Alvarás expedidos pela Prefeitura e Bombeiros e outros.

17. Tecnologias que são tendência de mercado
Investir nas tecnologias mais modernas no setor de estética é de extrema importância, pois ao procurar uma clínica de estética as clientes desejam ser tratadas com o que há de melhor no ramo.
Para ser eficientes, as clínicas de estética hoje contam com tendências de mercado que são marcadas pela tecnologia presente em todo o tratamento estético.

Portanto, antes de escolher a segmentação de serviços oferecida pela clínica estética, os empresários devem estudar e pesquisar as tecnologias que tornarão os serviços competitivos, dinâmicos e seguros.

As Tecnologias utilizadas pela Clínica Estética abrangem:
Depilação a Laser: a aplicação da tecnologia busca tornar o tratamento mais duradouro, além de evitar mucosas na pele, pêlos encravados e outros desconfortos causados pela depilação tradicional.

Botox: é um tratamento muito utilizado e procurado. Por isso, para se manterem competitivas, muitas clínicas estéticas não dispensam oferecer o serviço. Porém, para implantação do tratamento é necessário o uso de produtos de qualidade, injeções descartáveis e mão de obra realizada por profissionais que tenham certificação.

Peelings: são procedimentos que exigem o uso de produtos químicos como o ácido e que buscam a descamação para a reestruturação da pele. Os peelings são divididos em: peelings médio, superficial e profundo de acordo com a necessidade do cliente.

Power Shape: esse tratamento exige equipamentos da mais alta tecnologia. O equipamento é ideal para combate à celulite, gordura localizada e flacidez de pele.

Descrevemos acima alguns exemplos sem esgotar o assunto, pois atualmente as clínicas contam com diversos mecanismos tecnológicos e para iniciar uma implantação bem sucedida de uma clínica de estética é necessário estar sempre atualizado sobre as novas tecnologias e seus usos para fidelizar os clientes e lucrar.

18. Produtos e serviços de uma Clínica de Estética
Toda clínica de estética deve descrever no registro empresarial ou plano de negócios quais suas atividades principais e que constituem o foco da clínica. Algumas clínicas de estética possuem como atividade principal a depilação, tratamentos propícios para emagrecimento, tratamentos de drenagem linfática, lipoaspiração e outros.

Mesmo que a clínica resolva diversificar, deve considerar que os recursos e maiores esforços devem ser empregados na atividade principal e assim ela não perderá o seu foco principal.

19. Como montar uma Clínica de Estética: controle de qualidade
Para montar uma clínica de estética, o empresário deve criar uma cultura voltada para Qualidade Total dos processos em que os funcionários estejam conscientes e exista controle da qualidade das atividades, como também controle de desperdícios, sendo que as duas coisas andam juntas.

Portanto, tenha sempre em mente a Qualidade e assim a clínica de estética terá como consequência maior número de clientes, investidores, oportunidades de negócios e menores custos.

Lembre-se sempre de fazer promoção e propaganda dos seus serviços!

Institucionalize Programas de Qualidade, treine a equipe e padronize para sempre atender bem.

Busque também novas ideias que combinem com esses valores.




 

  • Passo 01

    Escolha o nome do seu negócio

    O nome do seu negócio será identificado como “nome fantasia” já a razão social é o nome que será registrado como pessoa jurídica.

  • Passo 02

    Defina o ramo de atividade do seu negócio

    Os ramos são:
    Indústria : Que produz bens.

    - Comércio atacadista : Que vende mercadorias, para empresas que revenderão os produtos.

    - Comércio varejista : Que vende mercadorias diretamente ao consumidor final.

    - Prestação de serviços : Que prestam serviços, para pessoas físicas e jurídicas.

     

  • Passo 03

    Qual o tipo da sua empresa?

    - Empresário (Individual)
    Trata-se de uma empresa que é titulada apenas por uma só pessoa física, que integraliza bens próprios à exploração do seu negócio. 

    - Sociedade Empresária Limitada
    Reúne dois ou mais sócios para a exploração de uma ou mais atividade econômica.

    - Sociedade Simples Limitada
    É formada por pessoas que exercem profissão intelectual, de natureza científica, literária ou artística.

    - Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli)
    É uma categoria empresarial que permite a constituição de uma empresa com apenas um sócio: o próprio empresário.

     

  • Passo 04

    Registro e formalização

    Apresentar alguns documentos como endereço do local que sua empresa funcionará além dos documentos dos sócios.
    A burocracia deixe com a Montreal.

     

  • Passo 05

    Pronto!

    Montreal Contabilidade auxilia você em todos os itens acima e também formaliza o contrato social.

    Preencha o formulário abaixo e abra a sua empresa agora !


Montreal Essencial

 

  • Faturamento até 35 mil
  • Até 10 notas fiscais emitidas
  • Até 15 documentos contábeis
  • Até 1 extrato bancário
  • Apuração de impostos
  • Balanço Patrimonial
  • Obrigações Acessórias
  • Demonstrativo do Resultado
  • Folha de pagamento dos sócios
  • Folha de pagamento para funcionários
  • Declaração de IR pessoa física
  • Certificado Digital
  • Sistema Financeiro
  • Baixa de empresa
Montreal Master

 

  • Faturamento até 75 mil
  • Até 20 notas fiscais emitidas
  • Até 30 documentos contábeis
  • Até 2 extratos bancários
  • Apuração de impostos
  • Balanço Patrimonial
  • Obrigações Acessórias
  • Demonstrativo do Resultado
  • Folha de pagamento dos sócios
  • Folha de pagamento para funcionários - Até 3
  • Declaração de IR pessoa física
  • Certificado Digital
  • Sistema Financeiro
  • Baixa de empresa
Montreal Premium

 

  • Faturamento até 150 mil
  • Até 50 notas fiscais emitidas
  • Até 60 documentos contábeis
  • Até 5 extratos bancários
  • Apuração de impostos
  • Balanço Patrimonial
  • Obrigações Acessórias
  • Demonstrativo do Resultado
  • Folha de pagamento dos sócios
  • Folha de pagamento para funcionários - Até 5
  • Declaração de IR pessoa física
  • Certificado Digital
  • Sistema Financeiro
  • Baixa de empresa

Se o seu negócio não se encaixa nos modelos acima, entre em contato e solicite uma proposta agora mesmo!

Montreal Contabilidade

Abra sua empresa

Conte com a Montreal para agregar valor ao seu negócio. Converse com a gente!